Ajude nosso ministério. Compre produtos no Submarino por aqui.

04 dezembro 2008

:: [ REFLEXÃO ] :: DESVALORIZE-SE!



Desvalorize-se. Em um tempo onde há um grito pela valorização pessoal, cargos e posições, ouvir isso soa como se uma heresia. Pode ser até uma ofença à auto motivação ou até mesmo a um discurso do tipo, ”você tem valor” ou “olhe um pouco pra você”, “pense em você agora” ou mesmo “você merece”.

O grande abismo em que vivemos hoje, onde mais de 3.000 povos na terra não tem a bíblia em sua prórpia língua, milhares de pessoas no mundo inteiro sofrem com a pobreza, abusos, guerras, calamidades. Pessoas sofrem por não ouvir falar de Jesus, teem os casamentos destruídos e vidas arruinadas. Tudo isso é provocado pela falta de desvalorização de si mesmo. Atitudes egoístas que desenvolvemos por uma mensagem incessante. Valores esses, que levaram até os seguidores de Cristo a modificarem a menssagem principal que ele nos deu somente para manterem uma boa aparência perante a sociedade. Quanto mais olho para mim mesmo, menos me importo com o outro.

Vemos como esse pensamento edonista, com a busca desenfreada pelo prazer egosísta, nos levou ao mais razo evangelho que já se ouviu e já se viu. Igrejas, pessoas, líderes que não tem mais função em si e para o reino, não servem mais para nada, a não ser para se preocupar com o que chamamos de “politicamente correto”. Nâo fazem a diferença. Levando cada vez mais a mensangem principal do evangelho “A Cruz” para sentidos distorcidos e que apontam para seu próprio prazer ou que favorece a aquisição de seus próprios objetivos.

Aqui vai uma mesagem que falou muito ao meu coração com relação a isso. Jesus querendo ensinar seus seguidores e o fazia enquanto impediam as crianças de chegarem até ele, os advetiu: “Deixem vir a mim as criancinhas, não as impeçam… Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, nunca entrará nele.” Lucas 18:15-17. Temo que isso deixe muitos de fora no último dia.

O que Jesus estava querendo dizer aqui nesse pequeno verso era que, assim como uma criança era desvalorizada, desprezada, rejeitada em sua época, assim também teríamos que receber o Reino de Deus. Não podemos ter a nossa vida como importante. Assim como aquelas crianças, sem nenhum valor em si mesmas podiam chagar até Jesus, assim temos que receber o Reino. E você como é? Considera-se com algum valor? O que você possuí que o valoriza?

Uma frase de A. W. Tozer, em “Restaurando o Ardor Missionário” de Ronaldo Lidório fala a esse respeito: Nada do que podemos tocar é eterno…” Mais para a frente, quando Jesus se encontra frente a Pilatos, prestes a morrer, também diz: “…O meu reino não é deste mundo…” João 18:36. O que estamos esperando para colocar todo o nosso tesouro naquilo que não se pode tocar? Para que algo aconteça e mude as estatísticas do segundo parágrafo, é necessário voltarmos nossos olhos para o exemplo de homens como João Batista, como Jesus, que não consideraram por valorosa suas vidas mas as entregaram para mudar a vida de muitos.

Meu apêlo a você é que pare de olhar somente para si mesmo e começe a olhar para aquilo que é eterno. Meu apelo a você é que volte à mensagem da cruz e encontre nela a desvalorização necessária para ser grande no reino de Deus. Se Deus não estivesse interessado na salvação, na mudança da vida de milhares e milhões de pessoas ao redor do mundo, de seu mundo. Não entregaria a vida de seu filho para isso.

Você tem muitas oportunidades de exercitar-se na desvalorização de si mesmo. E aconselho que faça. Você pode ajudar uma pessoa necessitada, você pode pregar a palavra para alguém e investir todo o seu tempo nisso, você pode doar seu carro, sua casa para o uso do Mestre, abrí-la para que pessoas sejam ajudadas, não só com um banho ou comida mas também com a salvação. Existem muitas casas que podem ser ajudadas, como centros de ranceníase, asilos, prisões, alberges e etc. Desvalorize-se. Abra mão de seu lugar na fila do banco, de a preferência a alguém que está atrás de você, sente-seno último lugar. Ajude os desabrigados e sedentos de Santa Catariana enviando coisas boas para lá. Doe seu lugar. Perca seu direito e dê ele a quem precisa mais. Desvalorize-se! E receba o reino de Deus.


FONTE: Missão AMME Evangelizar - http://www.evangelizabrasil.com

4 comentários:

O PENSADOR disse...

Faz um bom tempo que não vejo reflexões deste tipo... Simplesmente Excelente!
Que bom se todos almejássemos ser menos importantes do que as pessoas nos dizem que somos, melhor ainda é se esta consciência fosse global!
O que João Batista não diria desta geração? Paulo? Tiago? Enfim, ..., exemplo não faltam...

Obrigado pela reflexão...

Anônimo disse...

muito boa essa reflexão,na maioria das vezes nos acorvadamos diante das situações,dizendo eu tenho valor demais para fazer isso ou aquilo,muitos crentes esquecem (ESTAMOS AQUI DE PASSAGEM).sempre é necessário se diminuir para meu próximo ganhar a salvação em Cristo Jesus.

claudio pimenta disse...

So lamento nesta lista o caso dos livros do benni hin (heretico)

carloshenrique disse...

Assino embaixo. Uma ótima reflexão.
O que hoje mais é necessário é tirar o foco do eu.
Jesus jamais mandou valorizar a si mesmo, mas disse que "quem quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me", e também falou que quando fizermos tudo o que ele nos tiver ordenado para dizermos que somos servos inúteis, e não para nos valorizarmos.
Que nos desvalorizemos, e olhemos mais para o nosso irmão que está do nosso lado necessitando de uma ajuda nossa, necessitando de ser confortado, consolado e de ouvir a Palavra do Evangelho.

... ...