Ajude nosso ministério. Compre produtos no Submarino por aqui.

12 novembro 2008

:: [ DIVULGAÇÃO ] :: Meditações para maltrapilhos



Novo livro de Brennan Manning pela editora Mundo Cristão.

As igrejas, enquanto comemoram o crescimento vertiginoso de seu rol de membros, perdem parte de seus fiéis para a decepção, a solidão e o desespero. Muitos têm abandonado suas igrejas porque deixam de se sentir integrantes do Corpo de Cristo. Em parte a culpa se deve ao pecado não tratado corretamente, mas o fato de não mais encontrarem o verdadeiro evangelho sendo pregado e praticado também causa profundas marcas em sua caminhada cristã.

Em 2005, a Mundo Cristão lançou O evangelho maltrapilho, primeiro livro de Brennan Manning em português. A obra foi escrita para essas pessoas, cujos sentimentos de derrota e exaustão transbordavam-lhe o coração, para aqueles que se achavam indignos de receber o amor de Deus, para os crentes ignorados em suas comunidades por não se enquadrarem no perfil de super-cristão ou por estarem cansados da espiritualidade superficial e consumista. Pessoas que travam inúmeras batalhas interiores por não se sentirem parte de uma comunidade afetiva e acolhedora.

Agora o autor retoma a temática da infinita e poderosa graça de Deus no livro devocional Meditações para maltrapilhos. São 365 reflexões escritas com o objetivo de desconstruir a visão de que a graça e o amor de Deus são propriedades exclusivas de um pequeno grupo de notáveis. Sua escrita marcante abre as portas da generosidade divina aos cansados da espiritualidade superficial e consumista, carentes do verdadeiro acolhimento cristão.

Meditações para maltrapilhos apresenta textos inquietadores escritos ao longo de 22 anos intensamente vividos, em que se refletem os altos e baixos da vida de Brennan Manning, despertando a confiança radical do autor em Jesus. Mesmo destacando a realidade nua e crua de todos nós, ele consegue sinalizar a razão de sua esperança.


Sobre o autor:

Batizado Richard Francis Xavier, o escritor Brennan Manning nasceu e cresceu, com os dois irmãos, num subúrbio perigoso de Nova York. Embora sua família enfrentasse dificuldades, não se viu impedido de entrar para a Universidade St. John, da qual sairia para servir no Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos durante a Guerra da Coréia. Em fevereiro de 1956, ao meditar sobre o caminho de Jesus até a cruz, sentiu-se comovido pelo Evangelho e chamado por Deus. Quatro anos mais tarde, graduou-se em Filosofia e, posteriormente, em Teologia, pelo Seminário St. Francis.
No fim dos anos 1970, após enfrentar uma crise pessoal, começou a escrever e a ministrar palestras, atividades que mantém até hoje, sempre com o objetivo de comunicar o amor incondicional de Deus em Jesus.


“Eu considero Brennan Manning meu diretor espiritual na escola da graça. Não posso parar de aprender a respeito e, afortunadamente, ele não pára de escrever sobre o tema.”
Philip Yancey

“Brennan Maning realiza um magistral trabalho ao soprar a poeira da teologia desgastada e permitir que a graça de Deus faça o que somente ela pode fazer: maravilhar.”
Max Lucado

2 comentários:

Agnaldo Gomes disse...

Não conheço o autor, mas pela descrição do livro e sobre um tema tão atual e relevante, com certeza preciso conhecer esta obra.

Agnaldo - Blog Desperta Igreja!

Naasom A. Sousa disse...

Agnaldo, entramos numa parceria com a Mundo Cristão. Daqui para a frente sempre estaremos trazendo novos livros para apresentar a todos.
Um grande abraço.

... ...