Ajude nosso ministério. Compre produtos no Submarino por aqui.

17 março 2006

:: [ TEATRO ] :: Palhaços

Extraído do site evol.com.br

Personagens: palhaço Deus, palhaço mau e palhaço homem. Cenário: Sem cenário fixoAcessórios: um revólver e um alvo de cartolina (Podendo nem mesmo usar uma arma, mas, imitar uma arma com as mãos) . Guarda-roupa: Todos vestidos de palhaço.Iluminação: Se houver, todas as luzes são acesas e apagadas juntas. Sonoplastia: Opcional, preparar a gosto do grupo. A peça é uma mímica.Maquiagem: Palhaço Deus e Palhaço homem com rosto branco, mas Palhaço Mal com rosto meio sujo, escuro, mau.

INÍCIO

* No palco estão os três palhaços. PALHAÇO DEUS está entre o PALHAÇO HOMEM e o PALHAÇO MAL, que estão agachados. DEUS está em pé, olhando. para frente, parado. Começa a música.
Deus move-se, olhando ao longe, para os lados. Levanta os braços e imediatamente a luz acende. Abaixa os braços e lentamente olha para o MAL. Subitamente, levanta os braços e "cria" o PALHAÇO MAL, que no mesmo instante olha para frente assustado, e se levanta alegre. Dá as mãos a DEUS e rodam, brincando felizes. Param de brincar. Soltam as mãos. O MAL fica observando. DEUS cria a terra, os céus e os pássaros. DEUS está muito alegre, mas o MAL começa a inveja-lo. O MAL circula DEUS e observa constantemente. DEUS pára e olha para o HOMEM. Aproxima-se, circula, começa a moldar o HOMEM. O MAL observa de olhos arregalados. DEUS vai levantando o HOMEM, que está de olhos fechados. DEUS pára e afasta-se com o HOMEM já de pé.Então aproxima-se e sopra-lhe vento no rosto. Imediatamente o HOMEM acorda. O MAL assusta-se, abre a boca, espalma as mãos. O HOMEM olha para DEUS. Os dois abrem um sorriso, se abraçam e começam a dançar e brincar. o MAL observa, acompanha e sente inveja.DEUS mostra ao HOMEM sua criação: a terra, os céus e os pássaros. O HOMEM olha atento e deslumbrado.
O MAL acompanha com inveja e cara amarrada.

DEUS dá toda a criação para o HOMEM que fica muito alegre, surpreso, e sai dançando e contemplando a criação.

O MAL demonstra irritação e inveja.

Deus olha o HOMEM sair e então afasta-se, sorrindo.O MAL olha zangado a alegria do HOMEM. Cruza os braços e mostra que está pensando, tramando o mal. O MAL sorri, esfrega as mãos uma nas outras e olha para o HOMEM, aproximando-se dele.DEUS olha desconfiado para o MAL, mas mantêm sua distância.O MAL aproxima-se do o HOMEM e toca-lhe. O HOMEM assusta-se. O MAL pede calma, e chama o HOMEM com o dedo, sorrindo falsamente.O HOMEM aproxima-se desconfiado.O MAL finge estar alegre, brincando e dando uma volta em torno do HOMEM. Pára e convida o HOMEM pára brincar. O HOMEM olha atento e por fim sorri. O MAL esfrega as mãos e convida o HOMEM para brincar e pular.Deus observa andando devagar, mas ao longe.O HOMEM aceita o convite e começa a brincar com o MAL, pulando um em volta do outro e de vez em quanto o HOMEM olha a criação. O MAL tem um sorriso falso.

De repente o MAL pára atras do HOMEM e lhe dá um chute sorrindo. O HOMEM cai. DEUS sofre.

O MAL ri. O HOMEM olha para traz, sem entender. O MAL disfarça e chama ao HOMEM. Sem entender, preferindo esquecer, o HOMEM brinca também. DEUS observa triste.Após brincarem um pouco, O MAL ao passar pelo HOMEM, pisa no seu pé com maldade e afasta-se rindo e brincando. O HOMEM sente a dor, pega seu pé e olha para o MAL. DEUS sofre. O MAL disfarça, continua brincando.O HOMEM começa a brincar, mas demonstra tristeza. O MAL aproxima-se e empurra o HOMEM, que cai de novo. DEUS sofre. O HOMEM levanta, triste, anda meio tonto, sem entender, rindo de vez em quanto, seguindo o MAL. DEUS sofre.O MAL circula o HOMEM, rindo muito.O MAL aproxima-se do HOMEM e finge estar enrolando uma corda nele, rodando o HOMEM, que vai colocando os braços cruzados sobre o peito, mostrando que está preso. O HOMEM sofre. DEUS também sofre. O MAL vibra.O MAL olha para o HOMEM amarrado e afasta-se. Ri. Apanha o alvo e volta para coloca-lo no peito do HOMEM. O MAL saca um revólver. Deus pede para que pare com os dedos, mantêm a distância. O MAL dá as costas para o HOMEM que está muito assustado. O MAL conta passos, afastando-se do HOMEM. O MAL pára, vira-se rápido e aponta o revólver para o HOMEM.

DEUS subitamente intervêm, levantando os braços. O MAL e o HOMEM ficam paralisados.DEUS triste, aproxima-se do HOMEM, olhando-o com compaixão. Dá uma volta em torno dele. Aproxima-se. Pega a corda e afasta-se devagar do HOMEM, que roda lentamente. A certa distância, DEUS começa também a rodar junto com o HOMEM, mostrando que está enrolando-se na corda, e aproxima-se novamente do HOMEM. Chega à sua frente, toma o alvo e coloca-o em si mesmo. DEUS fica entre o MAL e o HOMEM, de frente para o MAL.DEUS olha para o MAL, espera um pouco e então abaixa o rosto rapidamente. No mesmo instante o MAL e o HOMEM saem do estado de paralisação.O HOMEM olha para DEUS assustado. O MAL sacode a cabeça, olha para DEUS, sorri e atira.Deus cai morto. O HOMEM coloca as mãos na cabeça, assustado. O MAL vibra, pula. O HOMEM foge. O MAL percebe o HOMEM e rindo muito persegue ao HOMEM.De repente, DEUS ressuscita num salto. O MAL pára aterrorizado. O HOMEM pára sem acreditar no que vê. DEUS, com autoridade, aponta para o MAL. O MAL está apavorado. DEUS expulsa o MAL de cena. O MAL sai de cena como se levado por uma força, uma luz muito grande.O HOMEM aguarda, olhando para DEUS com atenção. DEUS olha para o HOMEM com muito amor. DEUS abre seus braços. O HOMEM corre de braços abertos para DEUS. Os dois se abraçam um abraço grande. Ao terminar o abraço, os dois saem brincando alegres. E saem de cena.

Luzes apagam. FIM

Observações:
1- Lembrar que os personagens são palhaços, por isso os movimentos e feições são sempre exagerados. Passos largos, grandes sorrisos e braços mexendo muito.
2- Ao final da peça, um dos personagens pode retornar para comentá-la e completar sua mensagem. Algumas sugestões para comentar seriam:

* O sacrifício de DEUS (Jesus) em lugar do HOMEM.
* A necessidade do perdão de DEUS para o pecador (mensagem complementar à peça).
* A Criação. O amor de Deus. A liberdade de escolha que DEUS dá. O poder e soberania de DEUS. etc...

2 comentários:

Anônimo disse...

O nucleo em si da peca, a mensagem, ficou muito boa. Mas nao entendi porque tinha que colocar Deus como "palhaco"? Poderia explicar, por favor? Obrigado!!!

adriana disse...

Excelente, estava algo assim para fazer lá minha Igreja. Me senti tocada e totalmente envolvida enquanto lia.
Parabéns!
Que Deus o abençõe grandemente.

... ...